Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Quem Tramou a Gordinha?

Quem Tramou a Gordinha?

20
Out19

O que há de errado com os Domingos?

Cláudia Matos Silva

A pergunta devia ser reformulada; qual é o meu problema com os domingos? Mas pensando melhor o problema aqui não sou eu, lamento a imodéstia, mas é claramente o Domingo que vem com defeito.

 

Não sei se pela nossa cultura cristã cujo Domingo era o dia de vestir o melhor fato para ir à missa, cujo espírito se reflecte ainda, agora com um toque de modernidade. Agora ninguém vai à missa porque arranjaram novos templos religiosos, os centros comerciais. O  dogma dos tempos modernos  é 'consome consome'. E em letras minúsculo deve ler-se algures nesse dogma escondido na 'nuvem'; de preferencia consomir desmesuradamente ao Domingo.

 

Não me incomodam os consumistas, se eu tivesse dinheiro talvez fosse pior que todos os consumistas do mundo (não há maneira de confirmar esta teoria porque efectivamente não tenho um tostão) mas acredito que cada um faz do seu dinheiro o que bem entender. O problema é que as multidões se acotovelam aos Domingos, no dia em que deviam estar 'na boa' a curtir um dia em paz e na tranquilidade, preferem a confusão.

 

Sim os Domingos são a confusão total e até há transito e tudo. Transito para o Shopping, transito no shopping, fila para o Wc, fila nas caixas de multibanco, fila para conseguir uma mesa num restaurante. Todo este cenário a que se acrescentam sons de crianças birrentas e pais ainda mais irritantes (ou só exasperados) que o Domingo me afugente (ainda mais do que é costume) do mundo. Ao Domingo eu evaporo-me e não estou para ninguém. Fico no meu ninho quentinho esperando que passe.

 

Amanhã volta tudo ao normal.

4 comentários

Comentar post